O site de referência sobre Gestão de Pessoas.
Pesquisar
« Pesquisa Avançada »






19/06/2012
RH » Mudança » Artigo Enviar Comentar Compartilhar Imprimir

Mídias sociais: compartilhar ou morrer

Por Evaldo Costa para o RH.com.br

A humanidade está sempre em processo de evolução e transformação. Entender, aderir e interagir com as mudanças significa evoluir. Já resistir a elas, pode significar a morte. Foi assim em todos os estágios da humanidade. Imagine um empreendedor que tenha resistido à chegada do computador. Como você acha que ele deve estar se virando? O que você acha que aconteceu com os empresários, que nos séculos 18 e 19 resistiram à Revolução Industrial? Imagino que não tenham muita história para contar.

Pois é exatamente isso que vem ocorrendo na Era da Informação, em que as mídias sociais têm provocado grandes mudanças na vida das pessoas e das organizações em quase todas as partes do globo terrestre. O que fazer: resistir ou aderir? Independente de ser uma empresa ou pessoa física, você não tem muitas opções. Ou aceita compartilhar ou será atropelado pelo movimento. E as suas chances de voltar ao cenário serão insignificantes.

Então, se é assim a partir do momento em que eu já adotei ou estou prestes a interagir nas mídias sociais, como devo agir? Primeiro você deve saber que é importante cuidar da sua imagem, assim como o faz quando vai a uma festa, teatro, viagem etc. A diferença é que ao sair para um evento você cuida do cabelo, coloca a melhor roupa, perfume, sapatos e se comunica face a face com um número limitado de pessoas.

Na mídia social, seu universo é muito maior. O perfume e as vestes são substituídos pelo seu talento de se comunicar virtualmente. Você tem a oportunidade de se conectar e se tornar conhecido por aqueles que podem ter interesse no que você faz. Para isso, você terá que dedicar seu tempo para interagir e sair da obscuridade.

A exposição é muito maior e os riscos de se deparar com críticas, comentários desagradáveis, reclamações sobre você, sua empresa ou seu produto, também. Uma certeza você deve ter: os seus clientes estarão sempre online e se você valoriza a sua reputação, é bom estar online também, pois só assim protegerá melhor a sua marca e seus interesses.

Caso não tenha uma ideia clara de como interagir nas mídias sociais, abaixo seguem algumas dicas que poderão lhe ajudar a colher bons frutos:

1. Preocupe-se com a sua imagem - Nada deve ser mais importante do que o seu nome e reputação. Portanto, você não deve publicar nada que não colocasse em um grande outdoor.

2. Crie, inclua-se e interaja com grupos de interesse comum - Caso você queira aderir às mídias sociais para fazer negócios, trate logo de dizer de forma cristalina o que você faz e mantenha as pessoas conectadas. Entenda que conversas entre os integrantes sobre o seu mercado serão inevitáveis. Cabe, portanto, a você encorajá-los para um bate-papo agradável e alinhado aos interesses das partes.

3. Trate criticas como oportunidades - Não encare as reclamações como problemas e sim desafios capazes de construir pontes e evitar muros entre vocês.

4. Seja proativo - Coloque tudo de positivo que puder sobre você e sua empresa na rede online (depoimentos, prêmios, vídeos etc.).

5. Mantenha o foco no que interessa - Tem muita gente que quer apenas fazer barulho e atrapalhar a sua trajetória. Se isso ocorrer, trate o assunto com seriedade, mas não alimente nada que não lhe acrescente pontos positivos.

Agindo assim, você sairá da obscuridade e terá um bom começo neste mundo que a cada dia está mais conectado pela rede virtual. Lembre-se do que reza o provérbio chinês: "Há três coisas na vida que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida".

Pense nisso e ótima semana!

 

Palavras-chave: | inovação | tecnologia | crescimento profissional |

  • O que você achou? Avalie:
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Enviar Comentar Compartilhar Imprimir
CONTEÚDO RELACIONADO
COMENTÁRIOS (0)
Ainda não há comentários.

Seja o primeiro, clique no ícone disponível logo acima e faça seus comentários.
 
PUBLICIDADE
Produtos RH.com.br

+ lidas
+ comentadas
+ enviadas
+ recentes
Produtos RH.com.br

Seminários RH.com.br

Contagem Regressiva



RH.com.br no Twitter


PUBLICIDADE
Os textos publicados não representam, necessariamente, a opinião dos responsáveis pelo site RH.com.br. Confira o nosso Termo de Responsabilidade.
Todos os direitos reservados. É expressamente proibida qualquer reprodução.